Mãe e o Carpinteiro

Voltando de Florianópolis, durante um dos cochilos no ônibus, sonhei com minha mãe. Estávamos na sala da nossa velha casa no interior de São Paulo. Havia café quente, pão caseiro e manteiga em cima da mesa. A TV ligada, mas ninguém prestava atenção. Ela, com seu invariável sorriso, contava alguma coisa do seu dia. Foi um momento ímpar, ainda mais pra mim que não costumo sonhar ou, minimamente, lembrar dos sonhos. Talvez o melhor presente de Páscoa que recebi.
Acordei lentamente com o chacoalhar do ônibus e me dei conta de que no meu fone tocava uma das músicas que sempre me faz lembrar dela – What Are They Doing in Heaven Today (O que eles estão fazendo no céu hoje?). Era uma versão do Mogwai para um clássico do texano Washington Phillips, gravado originalmente em meados de 1928.
Minha mãe faleceu de câncer há um pouco mais dois anos. E, pra mim, não há como não encher os olhos d´água quando ouço, principalmente, o trecho que diz (em tradução livre):
“Há alguns cujos corações foram sobrecarregados de cuidados. Eles pagaram por seus momentos de lutas e lágrimas. Mas eles agarraram-se à cruz com tremor e temor. Mas o que eles estão fazendo lá agora? E há alguns cujos corpos estavam cheios de doença. Os médicos e os doutores não poderiam tornar tudo mais fácil. Eles sofreram até que a morte trouxe uma libertação final. Mas o que eles estão fazendo lá agora?”
Toda vez que a saudade aperta o coração, a pergunta me vem a mente. “O que será que ela está fazendo no céu agora?”.
Se, em resumo, o paraíso, sob a ótica cristã, é um lugar/estado de perfeita adoração a Deus, e um dos convites de Jesus é que vivamos uma vida que O louve no cotidiano ordinário, chego a conclusão que o carpinteiro está passando muito bem apreciando o louvor de mamãe. Um café quentinho e manteiga derretida no pão caseiro fresco.
Tudo a seu tempo. Mas, confesso, não vejo a hora de sentar a mesa com Jesus, Mamãe e tantos outros queridos que já se foram. Compartilhar uma boa refeição e ouvir suas histórias.
Enquanto isso não acontece, to sempre aberto aos convites de uma boa cerveja, café, refeição e histórias entre família e amigos!

Para ouvir as duas versões: http://wp.me/piTgC-k4

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s