Em Três Letras

Perto dela tropeço nas palavras
Nas silabas claras vejo ciladas
Nas letras de seu nome vejo aladas
Sonhos de um toque que imagino ter

O coração gelado no peito
Finge resistir as lagrimas no seio
No abraço fechado
Nos braços do anseio

E quero estar aqui
Talvez quadro feio
Entre conversas ao meio
Vejo além de ti

E desejo estar perto
Incerto as suas negativas
As dores que me olham
Do amor certo amor que cura

Que cuida do sorriso cheio
Do sexo pleno
Da pele morena
Que permanece carente ao pedido de ti

E oro
E vejo Deus
E te enxergo claro
Um pouco de mim

O beijo
Os seixos
Os medos
O fogo que rompe o gelo

Te entrega a mim

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s