Criamos um Sistema Suicida

Estava ouvindo “Songs For a Revolution Hope”, um dos projetos musicais do controverso (e querido) Brian D. McLaren.
Me deparei com essa musica/discurso que me deixou um tanto atordoado e pensativo como há muito tempo não ocorria. Segue uma livre tradução que realmente gostaria que você lesse e ouvisse. Quem sabe não compartilhemos o incômodo e a disposição.

http://brianmclaren.bandcamp.com/track/11-57

11:57

Criamos um sistema suicida e dissemos que estava predestinado. Dissemos que o diabo nos forçou a fazer isso. Dissemos um monte de mentiras. Era um sistema de injustiça construído em arrogância e ganância. Era um império para os poderosos e um inferno para os necessitados. Um sistema suicida.
Criamos um sistema suicida que gerou um lucro considerável. Fizemos um bilhão de armas e provocamos mais guerras para utilizá-las. Nós mantivemos os pobres em favelas, para ignorá-los ou desprezá-los. E nós transmitimos shows e filmes para se divertirem e tranquiliza-los… no sistema suicida. O sistema suicida.
Criamos um sistema suicida e o bombardeamos cheio de toxinas. Matamos muitas espécies, o que fez o mundo um forno. Nós construímos um monte de igrejas e salvamos um monte de almas, mas destruímos um monte de coisas boas e nosso modo de vida era cheia de buracos. Um sistema suicida.
Criamos um sistema suicida que não pode ser sustentado. Deve ser redirecionado e devemos ser novamente preparados para recuperar a nossa verdadeira identidade em harmonia e cuidado com o amor salvífico para que todos possam libertar todas as criaturas em todos os lugares do sistema suicida. O sistema suicida.
Criamos um sistema suicida e oramos para que não seja tarde demais. Mas é 11:57. Por isso, seria melhor não hesitar. É hora de uma deserção para escolher uma nova direção, para buscar a reconexão, passar da morte para a ressurreição do sistema suicida … O sistema suicida.
Há um outro sistema. Uma outra maneira de seguir. É mais próximo do que o ar que você respira e é melhor do que você conhece. É um ecossistema sagrado que é invisível, mas existe. É uma revolução suave. É a resposta à nossa oração. Vale escuro, sombras da morte. Por favor, seja nosso pastor, Senhor. Águas tranquilas, pastos verdejantes. (E) nós seremos restaurados.
Que Deus nos ajude, pois estamos presos. Preso nessa máquina sombria.
Libere-nos, ensina-nos a viver na alegria, paz e justiça.

Words and music by Brian McLaren
Publishing, Revolution of Hope Music Group 2007

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s