Esperanza

O canto da esperança só canta quem já perdeu o tom.
O tempo e o ritmo se acompanham como numa corrida atrás do trem que está partindo.
O frenesi se encontra numa sala sem portas e janelas
Onde a oração é fumaça parada no teto.
O Jazz é o Blues do anseio no peito.
O Rock é suor, luxúria e redençao.
O perfume dela se percebe porque já se foi.
E eis meu coração exposto na canção.
Esperanza, que belo nome para sonhar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s