Truques

Não há truques. Isso é para a vida. Isso é Viver. Morrer. Nunca é demais lembrar que é para/na jornada que somos preparados. Não o começo, que é milagre, ou o fim que é eterno.

Não há truques. Sob a loucura distorcida, é possível enxergar através do vidro. Sobre um mundo que escolheu insanidade como ponto de vista, ensandecido aquele que se propõe a busca de ser.

E a sabedoria grita nas praças, mas estamos ocupados demais alimentando os pombos. O pão que deveria ser lançado às aguas, se torna piolho na cabeça dos mortos.

O ouro compra o inferno. E o jornal ainda aquece, apesar de sua péssima noticia – “Manipulamos a sua tristeza para haver riso“.
Eterna distopia que se torna clara apenas há uns poucos bons e atentos olhos. Aviltantes. Desesperados.
Os braços que resistem a força e não negam a forca.Medrosos frente a covardia. Covardes frente a mentira. E em um único suspiro, revolução e paz.
E hoje o vinho me entorpece e aquece. Seu rosto resplandece meus pecados. E amanhã, no remorso e na ressaca, ele, seu rosto, continuará lindo.
Não nos rendemos, mas não lutaremos. Resistiremos. Eis a vitória. Pagar o preço do caminho lavado pelo sangue. Mas o primeiro passo foi dado por Ele. Ressurgido. Vibrante. Rei.
Isso é real. Palpável. Não há truques.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s