Recalculando Rota

caminharAs vezes eu me identifico demais com Jonas. Outras vezes fico me perguntando. “Mano, como ele pode ser tão idiota? Ele não recebeu uma ‘profetada’. O próprio DEUS falou com ele e ainda sim ele fugiu” (Jonas 1:1). Por outro lado, as vezes a gente foge da rota que estamos seguindo, mesmo que sem perceber. Outras vezes estamos na rota certa, mas não conseguimos saber aonde vai dar essa estrada. Então começamos nos desesperar, a tentar atalhos e outros subterfúgios pra conseguir “se encontrar”. E o que fazer quando saimos fora da rota ou simplesmente não sabemos o que fazer?
Em Mateus 6:21 existe um versículo muito conhecido, que normalmente usamos para enfatizar o lado “negro da força”.

“Pois onde estiver o seu tesouro, ai estará seu coração”

Por mais que a maioria das pregações que eu tenha ouvido sobre esse versiculo tenha sido sobre colocarmos nosso coração no lugar certo, quero chamar a atenção para um outro detalhe. Ele serve como uma bússola.
Quando eu chego muito tarde de São Paulo, normalmente desço na Rodovia e subo a pé pra casa. São uns 20 minutos de caminhada. Muito de longe da pra ver uma cruz bem no alto do meu bairro. É onde fica o cruzeiro. Minha casa fica duas ruas atrás dali. Mesmo pra quem não conhece o caminho, acharia fácil tendo o cruzeiro como “norte”. E é sobre isso o que esse versículo fala.
Se seu coração estiver em Cristo (literalmente na Cruz), mesmo que o caminho seja desconhecido, mesmo que esteja tudo escuro e ninguém pra te dizer aonde ir, você vai sempre conseguir andar para o “norte”.
Acho que a maioria das pessoas ouviu dos pais ou de outras pessoas que elas devem “pensar no futuro”, “se preparar” e outras frases relacionadas. São conselhos valiosos que realmente devemos nos atentar. Tive vários momentos de conversa esse final de semana sobre isso. Mas a falta de perspectiva, por vezes, nos deixam extremamente desanimados e o “se preparar para o futuro” (muitas vezes “nosso futuro egoísta”) acaba se sobrepondo ao presente. Não conseguimos viver o hoje porque nossa cabeça está toda lá na frente. E acabamos desistindo no meio do caminho. Achamos que o fato de não estarmos onde queríamos hoje, significa que é o fim da história.
Mas imagine, por exemplo, o povo de Israel. 40 anos no deserto e os únicos da geração que saíra do egito e que entrára na terra prometida fora Josué e Calebe. Agora pense em Jesus. Ele viveu 33 anos na terra, como homem e sem pecar. Seu ministério começou aos 30 anos. Imagine ele com 29 anos de idade tendo essa conversa com Deus. “Pô, Pai! Você me mandou pra terra. Fazem 29 anos que eu to aqui fazendo móveis com meu pai terreno e até agora não fiz nada do que Tu tinha falado que eu ia fazer”. Tenho certeza que você também poderia citar milhares de exemplos como esses. Mas o ponto central disso é – eles não perderam o “norte” de vista.
Pra quem tem GPS no carro, acho que uma das frases mais chatas de se ouvir é “recalculando rota”. Significa que você fez algum desvio proposital ou simplesmente errou o caminho. Se você se sente desanimado, sem falta de perspectiva, se sente literalmente no fundo do poço, eu te convido a recalcular sua rota.
Sim, você pode voltar pra estrada. Digo, por que eu consegui voltar. Na verdade, acho que tenho minha rota recalculada todos os dias e isso só é possível pela graça, misericórdia e amor de Deus e não por merecimento próprio. E a cada vez que você recalcula essa rota, da mais valor para o caminho, porque entende que fora dele, apesar de haver vários atalhos, podem haver vários destinos que podem, definitivamente, não ser o que você buscava. O caminho ta dificil, mas o norte ta vísivel ainda? Siga em frente. E mesmo que você não tenha ninguém para indicar a rota, haverão placas na estrada. Nos encontramos lá!

Todos os que competem nos jogos se submetem a um treinamento rigoroso, para obter uma coroa que logo perece; mas nós o fazemos para ganhar uma coroa que dura para sempre.Sendo assim, não corro como quem corre sem alvo, e não luto como quem esmurra o ar. Mas esmurro o meu corpo e faço dele meu escravo, para que, depois de ter pregado aos outros, eu mesmo não venha a ser reprovado.” (I Cor 9:25-27)

Viajar (Vencedores por Cristo)

Toda estrada leva a algum lugar
Mesmo que não seja onde se quer ir
É preciso escolher, é preciso decidir
Ver a direção e então partir

Viajar, a alegria a cada dia,
Viajar, ter a paz por companhia,
Viajar, ter socorro sempre perto
Só Cristo é o rumo certo

Viajar, descobrir o que é a vida.
Viajar, segurança em toda via
Viajar, nunca mais estar sozinho
Só Cristo é o caminho

Viajar, a alegria a cada dia,
Viajar…
Viajar, descobrir o que é a vida.
Viajar…

Anúncios

2 pensamentos sobre “Recalculando Rota

  1. Pingback: Uma Longa Estrada… « Estranho mundo de ROD!

  2. Rod, fantástico!
    Creio que pior que estar com a cabeça lá no futuro, é estar com ela no passado.
    O norte está visível, então que possamos dar mais valor ao caminho.

    Abraço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s